"A vida não é medida pelo número de vezes que se respira, mas pelos momentos em que se perde o fôlego."

//subscrever feeds

Posts

Sexta-feira, 07 de Setembro de 2012

Dos fins de tarde de mundo aos pés.

Numa pele salgada com trago a maresia e nos lábios um rasgado sorriso a melancolia. É nos momentos que mais se sente a saudade. Daqueles partilhados pela distância e que se o destino não sabe unir muito menos o saberão os homens.

Há coisas que nunca deixarão de o ser. Saltitam de um limite para outro algures entre o que foi e o que nunca será.

Por agora apenas o sal que trago na pele e o cheiro forte que me invade os pulmões fazendo saber que é ali que devo estar.

 

publicado por mac às 18:35
tags: , ,

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.