"A vida não é medida pelo número de vezes que se respira, mas pelos momentos em que se perde o fôlego."

//subscrever feeds

Posts

Quarta-feira, 18 de Julho de 2012

Bicht-girl-favim.com-467084_large

Fogem as palavras do que devia ser simples.

Daquilo que se imagina que faz bem ao peito numa forma de amar e respirar os outros. Querer bem sem saber o porquê da história que nos adorna a pele que envelhece de dia para dia.  

Se não existisse iria-se sempre inventar. O presente é enebriante que chegue por um pretérito imperfeito inteiro por viver, à espera de se eternizar num mero suspiro ao ouvido.

 

publicado por mac às 01:11

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.