"A vida não é medida pelo número de vezes que se respira, mas pelos momentos em que se perde o fôlego."

Posts

Quinta-feira, 24 de Maio de 2012

Tumblr_lv13xzc2de1qgfzbwo1_500_large

Porque não há nomes suficientes para insultar o cancro. Estaria aqui três dias e meio e não diria nem metade do que deve ser dito a esse cabrão.

Não era nada aquela senhora mas convivi com ela desde sempre. Fui acompanhando de intermeio os anos de sofrimento atroz que julgo muito poucos conseguirem suportar. Era uma mulher de armas e acho que só tomei mesmo noção do fim ao ouvir cada pazada de terra que caia sobre o caixão e fazia um ruído que me fazia estremecer. Doeu-me o sofrimento que via naquelas caras ao vê-la ir-se. Anos de luta feroz sepultados ali debaixo daquele sol abrasador.

A vida é assim diziam. E eu sei que é. Mas isso não amaina o que se passou e o que ainda está para se passar com os que cá ficam.  

 

publicado por mac às 18:48